ECONOMIA NOSSA DE CADA DIA


Londrina planeja uma economia calcada na inovação tecnológica
O Núcleo de Desenvolvimento Empresarial de Londrina, grupo formado por representantes do setor público e privado, que se reúne semanalmente na Acil, há tempos insiste na necessidade de investir em um estudo que busque apontar os rumos para o desenvolvimento econômico de nossa cidade.

Vários setores sentiam esta necessidade
Não é exclusividade deste Núcleo a percepção de que Londrina se ressente de uma estratégia de desenvolvimento de seu ecossistema produtivo. Faltava unificar os esforços de cada instituição, pública e privada no sentido de viabilizar a elaboração de estudos voltados a entender quais caminhos seriam mais propícios para nossa cidade.

Fomentar o desenvolvimento econômico e social...
Absolutamente pertinente esta discussão na medida que desenvolver economicamente uma cidade é estimular a criação de empregos, geração de renda, elevação na arrecadação que, em última instância, se traduz em melhor qualidade de vida de seus munícipes e no seu consequente desenvolvimento social.

...a partir de suas potencialidades
Cada comunidade possui um conjunto único de atributos que podem aumentar o potencial para o desenvolvimento econômico local.
São essas condições que determinam a vantagem relativa de uma área na sua capacidade para atrair, gerar e reter investimentos.
E Londrina desponta para um desenvolvimento econômico calcado na inovação, tanto pela presença de competentes instituições de ensino, centros de pesquisa de referência nacional, como também por empresas de vocação tecnológica.

Criar um Plano Estratégico para o Ecossistema Produtivo Local
Mas era preciso realizar o levantamento destes atributos econômicos, sociais e físicos de nossa cidade de modo a permitir a elaboração de um projeto que desse forma a estratégia de desenvolvimento calcada na inovação.

O primeiro passo já foi dado
Com a efetiva participação das instituições locais e por meio do Sebrae, foi contratada a Fundação Certi com a responsabilidade de assessorar no planejamento com vistas ao desenvolvimento do ecossistema de inovação para a cidade de Londrina.

Nossas potencialidades
O primeiro movimento na elaboração deste Plano foi justamente identificar os setores estratégicos com potencial para alavancar o desenvolvimento local por meio da inovação.

Cinco vetores de inovação...
A partir da identificação dos 10 setores econômicos mais representativos da região de Londrina em termos de Valor Adicionado Fiscal – VAF, número de empresas, absorção da força de trabalho, foram destacados 5 setores.
Para tanto foram considerados entre outros argumentos, a base já instalada para seu desenvolvimento tecnológico e científico, e as tendências em nível regional, nacional e global.

...apontados no levantamento...
Foram identificados como vetores de inovação para Londrina: Cadeia do Agronegócio; Setor da Saúde; Setor Eletrometalmecânico; Setor Químico e Materiais; e Setor de TIC – Telecom, Hardware e Software.

...e validados pelas lideranças
Estes setores e todo o processo de levantamento foi apresentado a várias lideranças, tanto do setor público quanto do setor privado, nesta última terça-feira, 15, que discutiram sobre a assertividade de serem estes os setores a serem fomentados para alavancar o Ecossistema de Inovação de Londrina.
A conclusão foi que estes setores traduzem sim, a vocação de Londrina e tem potencial para nortear nosso Ecossistema Produtivo focado na Inovação e no Desenvolvimento Tecnológico.

Por uma Londrina melhor
A construção deste planejamento ainda demandará muito esforço e suscitará muitos debates, mas estão lançadas as bases para que nossa cidade trilhe o bom caminho para seu desenvolvimento econômico e social.

Marcos J. G. Rambalducci é professor doutor da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) e consultor econômico da Acil [email protected]


Continue lendo


Últimas notícias