VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Opinião
12/10/2017

HÁ 40 ANOS

12 de outubro de 1977

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Livro revela Marilyn meiga e feminista
PUBLICIDADE

Copenhague – Insegurança e insonia, foram estes dois males que atormentaram a vida de Marilyn Monroe e, provavelmente, levaram a estrela à morte. O escritor dinamarquês Hans Lembourn decidiu-se finalmente a contar sua história de amor com a atriz desaparecida em 1962, num livro intitulado "40 dias com Marilyn", no qual são reveladas nuances do temperamento da atriz, que seria "meiga e feminista".
PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO

Empreendedorismo inovador

"O crowdfunding é uma plataforma inovadora e vem alcançando um público invejável graças ao poder da internet"

Professores ainda são necessários?

"Chega-se ao ponto de duvidar da profissão de professor, como se o magistério devesse se tornar mero recurso de treinamento"

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados