VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Sábado, 24 de Junho de 2017
Esporte
19/06/2017

Ruim de ver

Após briga de torcida, Corinthians empata com Coritiba e pode perder liderança do Brasileiro nesta segunda

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Timão precisa "secar" o Grêmio contra o Cruzeiro, no Mineirão, para continuar na
Timão precisa
Reinaldo Reginato/Foto Arena/Estadão Conteúdo

São Paulo - As seis vitórias seguidas do Corinthians no Campeonato Brasileiro tiveram uma interrupção na manhã deste domingo (18). A equipe do técnico Fábio Carille continua como a única invicta da competição depois de ter empatado em 0 a 0 com o Coritiba, no Couto Pereira, na capital paranaense. Por outro lado, o tropeço abre o risco de o Grêmio tomar a liderança caso vença nesta segunda-feira (19) o Cruzeiro, no Mineirão.

A partida entre o Corinthians, conhecido pelo eficiente sistema de marcação, e o Coritiba, terceiro colocado e dono da melhor defesa do campeonato, se traduziu em um jogo pouco atrativo para o torcedor. Os lances de perigo foram poucos em comparação aos vários passes errados, faltas e à superioridade das defesas para conter os ataques. Sem Jadson, o time paulista criou pouco e teve menos posse de bola.

A confusão entre torcedores atrasou a chegada do Corinthians ao estádio e fez a partida começar alguns minutos atrasada. No primeiro encontro do líder Corinthians contra um adversário do bloco dos seis mais bem colocados, houve muito estudo e cautela em campo. O Coritiba iniciou a partida em busca de impor velocidade e pressão, mas parou na forte defesa alvinegra. Por outro lado, a resposta do time paulista era de cadenciar o ritmo e esfriar o ímpeto, sem isso se traduzir em ameaça.

O equilíbrio persistiu até o corintiano Marquinhos Gabriel sair machucado, para a entrada de Clayson. O time passou a ter dificuldade na saída de bola e viu o Coritiba avançar. Os momentos de maior emoção foram no fim da etapa final, com um chute de Henrique Almeida para a defesa de Cássio e uma resposta do Corinthians em cabeçada de Rodriguinho.

Com o resultado, o Corinthians chega aos 20 pontos, ainda na primeira colocação. O Coritiba tem agora 15 e desperdiçou a boa oportunidade que tinha neste confronto direto de se aproximar do líder. Após o empate sem gols no Paraná, o time corintiano voltará a jogar na próxima quinta-feira (22), quando enfrenta o Bahia, às 19h30, no Itaquerão.

Em Curitiba

CORITIBA 0 x 0 CORINTHIANS

CORITIBA - Wilson; Dodô, Marcio, Werley e William Mateus; Jonas, Matheus Galdezani e Alan Santos (Neto Berola); Rildo (Iago Dias), Alecsandro e Henrique Almeida (Tiago Real). Técnico: Pachequinho

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel (Camacho) e Maycon; Rodriguinho, Marquinhos Gabriel (Clayson) e Romero (Pedrinho); Jô. Técnico: Fábio Carille

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ)

RENDA - R$ 1.072.545,00

PÚBLICO - 23.824 pagantes

LOCAL - Estádio Couto Pereira
Ciro Campos
Agência Estado
Continue lendo
16
Continue Lendo
Assine a Folha de Londrina
EDITORIAS
PolíticaGeralMundoCidadesEconomiaEsporteFolha 2OpiniãoFolha MaisEleições 2016Índice de Notícias
SEÇÕES
ChargeColunistasIndicadoresTempoHoróscopoEdição DigitalGaleria de FotosClassificadosCadernos EspeciaisPromoçõesLoterias
SEMANAIS
Folha GenteCarro & CiaImobiliária & CiaSaúdeEmpregos & ConcursosFolha CidadaniaNorte PioneiroMercado DigitalFolha RuralReportagemCozinha & Sabor
CLASSIFICADOS
VrumLugar CertoFolha ClassificadosDiversos
SERVIÇOS
ComercialArquivoCapa do ImpressoExpedienteClube do AssinanteFale ConoscoAviso LegalPolítica de PrivacidadeTrabalhe ConoscoQuem SomosGuia GastronômicoAssine Já!
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados