VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Economia
05/11/2014

Mercado de grãos ensaia reação de preços

Preço da soja subiu 3,2% em outubro

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Sensível às expectativas que podem ser alteradas e influenciar o resultado da safra, o mercado vem ensaiando uma reação nos preços dos grãos de verão desde o mês passado. Segundo o Deral, os preços da soja, milho e feijão estavam em queda no mercado, em função da recomposição dos estoques mundiais e maior oferta de grãos. "No último mês, foi possível identificar uma leve reação nos preços, que pode ser também reflexo com as incertezas do clima", acredita o chefe da conjuntura agropecuária do Deral, Marcelo Garrido.
PUBLICIDADE

No período de outubro de 2014, em relação ao mesmo mês do ano passado, a soja apresenta uma queda de 14% e o trigo 40%. O feijão preto caiu 32% e o feijão de cor registrou queda de 41% no preço. O milho registra uma leve alta, de 3%.
Já no mês de outubro de 2014 em relação a setembro, o preço da soja reagiu 3,2%, o do milho 0,1%. O feijão preto subiu 1,2% e o feijão de cor 29,2%. O trigo, por estar em período de colheita e aumento da oferta, mantém um recuo de 2,9% nos preços.
Para a técnica Juliana Yagushi, as incertezas climáticas em várias regiões e o aumento do câmbio favorecem a reação na formação de preços de culturas como soja e milho.
Reportagem Local
NOTÍCIAS RELACIONADAS
PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO

Produção industrial cai 0,2% em setembro

No ano, resultado acumula queda de 2,9%; em 12 meses, a redução é de 2,2% no País

Pagamento do 13º salário deve injetar R$ 8,5 bilhões no Paraná

No País, recursos do benefício somam cerca de R$ 158 bilhões, volume 10,5% maior que no ano passado

Londrinatal terá prêmios para consumidor, lojista e vendedor

Acil lança campanha que promoverá sorteio de três carros e mais de R$ 65 mil em vale-compras

Emprego

Emprego cresce 4,3% em outubro, segundo a FGV

Indicador apresenta uma melhora que não era vista a muito tempo porém ainda deve ser confirmado nos próximos meses

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados