VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Segunda-feira, 24 de Julho de 2017
Esporte
19/05/2017
AMISTOSOS

Tite justifica volta de David Luiz à seleção

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Rafael Ribeiro/CBF
Rafael Ribeiro/CBF

A lista de "europeus" convocados por Tite conta com jogadores que já vinham sendo chamados por Tite, casos de Phillippe Coutinho e Gabriel Jesus, mas alguns nomes apareceram pela primeira vez ou foram "resgatados" por Tite. Além do zagueiro Jemerson e do goleiro Diego Alves, o treinador trouxe de volta ao time nacional o zagueiro David Luiz, que não era chamado desde a época de Dunga e que acabou sendo um dos mais marcados pelo fiasco dos 7 a 1 sofridos contra a Alemanha, na semifinal da Copa de 2014.

Leia Mais:
Confira a lista completa dos jogadores convocados

O treinador destacou os bons números de David Luiz pelo Chelsea e pela própria seleção. O "David tem 56 jogos pela seleção, é versátil, está num grande momento", afirmou. "Se o Bielsa estivesse aqui ele ia dizer que é um jogador polifuncional. Ele é versátil. Deve ter mais de 20 jogos atuando como primeiro meio-campista, ou como defensor."

A referência ao técnico argentino Marcelo Bielsa ocorreu depois de ter participado, junto com o companheiro de profissão, o seminário "Somos Futebol", organizado pela CBF no último dia 8. Na ocasião, além de Tite e Bielsa, o italiano Fábio Capello também citou o defensor do Chelsea, dizendo que "não sabe marcar".

Tite também chamou o lateral Rafinha, do Bayern, que quase chegou a defender a seleção alemã. "Conversei com ele por telefone. Me disse que foi um mal entendido em situação anterior", disse o treinador. "O Rafinha tem 135 jogos, é campeão alemão."

O técnico também justificou a escolha por Jemerson, zagueiro do Monaco. "Ele esteve na seleção do campeonato (Brasileiro) de 2015 e é campeão francês, semifinalista da Champions. Tem todas as credenciais", disse. Sobre Alex Sandro, da Juventus e único jogador que está na final da Liga dos Campeões a ser convocado, Tite lembrou que "fez todo campeonato (Liga dos Campeões), defesa menos vazada, está na final e fazendo uma grande competição, além de estar à mercê de ser campeão italiano".

O treinador também comentou a ausência de Neymar, que disse ter sido exclusivamente para dar chance de descanso ao atacante. Tite negou, inclusive, que tenha tido sofrido alguma pressão para chamá-lo por questões contratuais envolvendo a organização do amistoso. "Nos reunimos, eu, Edu (Gaspar), Rogério Caboclo (CEO da CBF) e Marco Polo (Del Nero, presidente da entidade). Eles disseram: o que é melhor para a seleção o faça, independentemente de nós. O cunho é técnico e de preparação da equipe."
Marcio Dolzan
Agência Estado
CONTINUE LENDO

Meninas poderosas

Maior campeã de futsal feminino do Estado, Unopar estreia no Paranaense com a meta de voltar a briga pelo título após sete anos

Fim da linha

Londrina rescinde contrato com o goleiro Zé Carlos e o zagueiro Luizão, envolvidos em confusão após empate em Pelotas

Assine a Folha de Londrina
EDITORIAS
PolíticaGeralMundoCidadesEconomiaEsporteFolha 2OpiniãoFolha MaisEleições 2016Índice de Notícias
SEÇÕES
ChargeColunistasIndicadoresTempoHoróscopoEdição DigitalGaleria de FotosClassificadosCadernos EspeciaisPromoçõesLoteriasVídeos
SEMANAIS
Folha GenteCarro & CiaImobiliária & CiaSaúdeEmpregos & ConcursosFolha CidadaniaNorte PioneiroMercado DigitalFolha RuralEspecialCozinha & Sabor
CLASSIFICADOS
VrumLugar CertoFolha ClassificadosDiversos
SERVIÇOS
ComercialArquivoCapa do ImpressoExpedienteFale ConoscoClube do AssinanteAviso LegalPolítica de PrivacidadeTrabalhe ConoscoQuem SomosGuia GastronômicoAssine Já!
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados