VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Segunda-feira, 22 de Maio de 2017
Esporte
14/10/2008

Jogadores consideram Palmeiras favorito para vencer clássico

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

  São Paulo - Normalmente em clássicos, os jogadores costumam medir as palavras e evitar polêmicas para provocar o rival. Só que o lateral-esquerdo Leandro e o meio-campista Diego Souza mostraram personalidade e deixaram claro suas opiniões: o Palmeiras é favorito para vencer o clássico de domingo contra o São Paulo.
  ‘‘O Palmeiras tem de 60% a 70% de chances de vencer. Temos que acreditar no nosso time. Nosso grupo está forte e permanece focado’’, disse Leandro.
  Na visão dos jogadores, o favoritismo fica do lado alviverde pela vantagem de jogar no Parque Antártica. No Campeonato Brasileiro, o Verdão só tem uma derrota e um empate nos jogos em seu estádio. Nas outras partidas, saiu de campo como vencedor.
  ‘‘A porcentagem de cada time, eu não sei dizer, mas tem o favoritismo do Palmeiras por jogar em casa, por tudo que já fez na competição. Temos a nossa força dentro de casa. Não tem como negar’’, confirmou Diego Souza.
  O Palmeiras corre o risco de perder o atacante Kléber em partidas decisivas do Campeonato Brasileiro, mas o jogador está praticamente garantido no clássico contra o São Paulo. Segundo o procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva
(STJD), Paulo Schmitt, se for indiciado pela cotovelada no zagueiro Asprilla, do Figueirense, o atleta dificilmente será julgado nesta semana.
Das Agências
Continue lendo
39
Continue Lendo
2-1-40-6850-20081014
2-1-40-6703-20081014
2-1-40-6799-20081014
2-1-40-6800-20081014
2-1-40-6818-20081014
2-1-40-6819-20081014
2-1-40-6820-20081014
2-1-40-6831-20081014
2-1-40-6832-20081014
2-1-40-6833-20081014
2-1-40-6837-20081014
2-1-40-6838-20081014
2-1-40-6839-20081014
2-1-40-6840-20081014
2-1-40-6841-20081014
2-1-40-6844-20081014
2-1-40-6845-20081014
2-1-40-6851-20081014
2-1-40-6852-20081014
2-1-40-6856-20081014
2-1-40-8370-20081014
2-1-40-6704-20081014
2-1-40-6705-20081014
2-1-40-6706-20081014
2-1-40-6707-20081014
2-1-40-6708-20081014
2-1-40-6709-20081014
2-1-40-6710-20081014
2-1-40-6711-20081014
2-1-40-6712-20081014
2-1-40-6713-20081014
2-1-40-6714-20081014
2-1-40-6715-20081014
2-1-40-6719-20081014
2-1-40-6720-20081014
2-1-40-6721-20081014
2-1-40-6722-20081014
2-1-40-6846-20081014
2-1-40-6888-20081014
Assine a Folha de Londrina
EDITORIAS
PolíticaGeralMundoCidadesEconomiaEsporteFolha 2OpiniãoFolha MaisEleições 2016Índice de Notícias
SEÇÕES
ChargeColunistasIndicadoresTempoHoróscopoEdição DigitalGaleria de FotosClassificadosCadernos EspeciaisPromoçõesLoterias
SEMANAIS
Folha GenteCarro & CiaImobiliária & CiaSaúdeEmpregos & ConcursosFolha CidadaniaNorte PioneiroMercado DigitalFolha RuralReportagemCozinha & Sabor
CLASSIFICADOS
VrumLugar CertoFolha ClassificadosDiversos
SERVIÇOS
ComercialArquivoCapa do ImpressoExpedienteClube do AssinanteFale ConoscoAviso LegalPolítica de PrivacidadeTrabalhe ConoscoQuem SomosGuia GastronômicoAssine Já!
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados