VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Esporte
20/04/2017
CAIU DE PÉ

Após eliminação, Ceni diz que vitória sobre o Cruzeiro 'fortalece' o São Paulo

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Rubens Chiri / saopaulofc.net
Rubens Chiri / saopaulofc.net

Depois da eliminação na Copa do Brasil, o São Paulo já começa a voltar o foco para o clássico de domingo, contra o Corinthians, pelas semifinais do Campeonato Paulista, no Itaquerão. O time precisa reverter a vantagem de 2 a 0 do rival, a mesma que o Cruzeiro tinha na Copa do Brasil. Só que os 2 a 1 em Belo Horizonte não foram suficientes para a classificação, mas renovaram o ânimo do time.

"Psicologicamente essa vitória nos fortalece, pois comandamos o jogo do começo ao fim e tivemos chances muito claras de gol. Jogamos para vencer, para frente, sem medo, com muita coragem, e isso que valorizo nos meus jogadores", afirmou o técnico Rogério Ceni, na expectativa de fazer uma partida melhor diante do Corinthians.

Nesta quinta-feira, o elenco retorna de Belo Horizonte e os jogadores que atuaram vão fazer um trabalho regenerativo enquanto os atletas que não entraram em campo treinarão. "Vamos ver o desgaste de cada um e sei que todo mundo vai falar que quer jogar. Vamos atuar dentro de nossa característica, ou seja, seremos ofensivos e com posse de bola. Lembro que iniciamos o jogo perdendo por 2 a 0", continuou Ceni.

O treinador ainda vai pensar na maneira de jogar e acha que o Corinthians não vai alterar seu estilo na partida. "O Corinthians tem um jeito definido de jogar, assim como nos espera do nosso jeito. Vai ter o mesmo comportamento defensivo, contra-atacando, até porque a tática do primeiro jogo deu certo para eles", resumiu o técnico do São Paulo.
Agência Estado
CONTINUE LENDO

J. Malucelli desativa o futebol

Após perder pontos no Paranaense, clube de Curitiba desiste de disputar a Série D e ainda pode recorrer à Justiça Comum

Do título para cá, público do LEC encolheu

Queda na média de público deste ano chega a 86% em relação a 2014, quando o Tubarão foi campeão paranaense

LONGEVIDADE

Claudio Tencati completa seis anos à frente do Londrina

Treinador alviceleste é o que está a mais tempo no comando de um clube no futebol brasileiro e acumula 229 jogos pelo LEC

Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados