VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Economia
Vai para o Senado

Aprovada MP que concede reajuste de 15,8% a servidores da Polícia Federal

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira (7), na primeira sessão após o recesso branco do período eleitoral, a Medida Provisória (MP) 650, que reestrutura a carreira da Polícia Federal (PF). Entre outros assuntos, a MP concede reajuste de 15,8% a agentes, escrivães e papiloscopistas, conforme acordo firmado entre servidores do órgão e o Ministério do Planejamento. Ela será agora apreciada pelo Senado e perde a validade se não for aprovada até o dia 28 deste mês.
PUBLICIDADE

Pelo acordo, o aumento de 15,8% será dividido em duas parcelas, uma em 2014 e outra em 2015. A MP foi relatada na Câmara pelo deputado Paulo Pimenta (PT-RS). Ele recomendou a rejeição das 42 emendas apresentadas ao texto do Executivo durante a tramitação na comissão mista e na aprovação do original enviado ao Congresso pelo governo.

A votação da MP foi acompanhada por cerca de 700 policiais federais, entre agentes, escrivães e papiloscopistas, que desde cedo chegaram à Câmara para pressionar os deputados pela aprovação. De acordo com o presidente do Sindicato dos Policiais Federais do Distrito Federal, Flávio Werneck, existe um lobby de delegados de polícia para impedir a votação da MP. Werneck disse que os delegados querem incluir uma emenda para garantir equiparação aos integrantes do Ministério Público.

A MP também atualiza a legislação, passando a classificar os cargos de agente, escrivão e papiloscopista como de nível superior. Desde 1996, os concursos públicos para as três categorias já exigem nível superior.

A MP também concede aumento aos peritos federais agrários, reajustando a tabela de gratificação de desempenho de atividade (Gdapa).

Durante mais de três horas, o plenário da Câmara aguardou alcançar o quórum de 257 deputados para votar nominalmente uma emenda aglutinativa do líder do PR, deputado Bernardo Santana (MG). Mas ela foi rejeitada por 134 votos a 114 e 8 abstenções.

A emenda previa, para o ingresso na carreira de delegado da PF, a exigência de no mínimo três anos de atividade jurídica ou policial, além dos requisitos fixados pela legislação, entre outras medidas.
Agência Brasil
PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO

FMI reduz a 0,3% previsão de crescimento do Brasil

País deve ter uma das menores taxas de crescimento em 2014 entre os principais emergentes

Estatais chinesas mostram interesse pelo Arco Norte

Empresas estudam pagar por análise de viabilidade econômica para projeto e até investir na construção e administração do complexo em Londrina

Vendas de motocicletas caem 18,8% em setembro

No mês passado, foram comercializadas 116.639 unidades no Brasil, contra 143.570 em 2013 na mesma base de comparação

Emater e Embrapa firmam parceria para divulgar MIP

Assistência técnica ajudará produtores paranaenses a implantar Manejo Integrado de Pragas na safra 2014/15

Semana do empreendedor

Evento reúne grandes nomes do marketing digital em Londrina

Semana do Empreendedor Digital, promovida pela ACIL, é o maior evento da área de Marketing Digital em Londrina

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados
HOSPEDADO POR
Hospedado por Mandic