VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Cozinha & Sabor
07/04/2017

Cozinha & Sabor - Coelhinho da Páscoa, que trazes pra mim?

Ovos, trufas, bombons, está chegando a data em que tudo é permitido em nome de um doce sabor

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Fotos: Gina Mardones
Fotos: Gina Mardones - Chocolates feitos de forma artesanal estão entre as preferencias na Páscoa; Brasil está entre os 20 maiores consumidores do produto no mundo
Chocolates feitos de forma artesanal estão entre as preferencias na Páscoa; Brasil está entre os 20 maiores consumidores do produto no mundo


É difícil encontrar alguém que não goste de chocolate e, principalmente na época de Páscoa, não há quem resista a esse doce sabor. É um período em que os "chocólatras" de plantão aproveitam para se esbaldar com as inúmeras opções de que existem no mercado como ovos, trufas e bombons. O chocolate, apesar de ter sua origem no continente americano, foi trazido ao Brasil pelos europeus, durante a colonização. De lá pra cá, o brasileiro aprimorou e se apaixonou pelo cacau e hoje, somos um dos 20 maiores consumidores do produto.
PUBLICIDADE

Aliando criatividade e chocolate de qualidade, a tentação é ainda maior, pois além do sabor refinado, um visual bem elaborado reforça a famosa frase de nossas avós "é de comer com os olhos". O que nos resta é aproveitar o momento, atacar os docinhos e reagendar aquele prometido regime para outra data, de preferência em um feriado não tão saboroso. E para aqueles que gostam de colocar "a mão na massa", Heloise Mesquita, proprietária da Chocolataria, deu algumas dicas para produção em casa.

Filha de imigrantes portugueses, Heloíse teve contato com o chocolate desde cedo. Os pais abriram um comércio logo que chegaram em terras brasileiras, um "Secos & Molhados", onde ela teve o primeiro contato com o alimento. "Minha mãe sempre foi apaixonada por gastronomia e eu, que herdei tal interesse, sempre tive o chocolate como uma das minhas paixões", conta. Quando adulta, continuou fazendo chocolate em casa, para a família, até que surgiu a ideia de começar a vender trufas. "Eu trouxe a ideia de São Paulo e era uma grande novidade por aqui. Quando dei por mim, uma caixinha daqui, uma caixinha dali, eu estava vendendo trufas, não só para as amigas, mas para conhecidos, vizinhos, e pelo comércio todo de Londrina, batendo de porta em porta". Desse momento até abrir a Chocolateria foi um pulo, a loja funciona desde 1987, aliando o chocolate artesanal e um excelente cafezinho.

Especialista no assunto, ela ressalta que é importante tomar cuidado na escolha dos ingredientes para preparar sua receita e conta que todo o cuidado é pouco quando levar os produtos ao fogo. Quando se trata de "apurar" um chocolate, cada passo é extremamente importante. Vale também lembrar que a embalagem escolhida na hora de presentear faz toda a diferença. Uma caixa bem elaborada ou uma bela cesta, garante a satisfação total de quem recebe. "Você pode uasar o chiocolate para presentear não só na Páscoa, sabe? Ele é um presente gentil, requintado, que você pode oferecer o ano inteiro. Quem é que não gosta?", finaliza.

RECEITA

Trufas com chocolate belga: com ou sem kirch, uma delícia
Trufas com chocolate belga: com ou sem kirch, uma delícia

Trufas de chocolate belga

Ingredientes
1kg de chocolate belga
1 xícara de chá de creme de leite
2 colheres de sopa de glucose de milho
4 colheres de sopa de kirch (água ardente de cereja,opcional)
1kg de chocolate amargo derretido e frio para banhar
300g de cacau em pó para polvilhar

Modo de preparo
1) Numa tigela coloque o chocolate belga, o creme de leite, a glucose e leve ao microondas, mexendo de 1 em 1 minuto até derreter o chocolate.
2) Acrescente a kirch (opcional) e mexa até ficar bem homogêneo. Deixe esfriar, cubra com papel alumínio e leve ao freezer por 2 horas.
3) Depois desse tempo, banhe no chocolate amargo derretido e polvilhe com o cacau em pó.

(Receita cedida por Heloíse Mesquita)

Danieli Souza
Reportagem Local
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados
HOSPEDADO POR
Hospedado por Mandic