VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Cidades
12/10/2017

HU entrega obras da UTI Adulto

Unidades 1 e 2 tiveram espaço físico e número de leitos ampliados em um investimento de R$ 2,7 milhões

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois

Saulo Ohara
Saulo Ohara - A nova ala deve começar a receber pacientes dentro de algumas semanas
A nova ala deve começar a receber pacientes dentro de algumas semanas


O HU (Hospital Universitário) de Londrina inaugurou nesta quarta-feira (11) as novas instalações das UTIs Adulto 1 e 2. As obras começaram em janeiro e custaram R$ 2,7 milhões, repassados pela Sesa (Secretaria Estadual de Saúde). O número de leitos aumentou de 17 para 20 e o espaço foi ampliado para 619,53 metros quadrados. A nova ala deve começar a receber pacientes dentro de algumas semanas.
PUBLICIDADE

A UTI 2 estava interditada há três anos e desde setembro de 2014 os pacientes que precisavam de atendimento intensivo eram internados em uma área improvisada. A UTI 1 foi fechada em janeiro, quando iniciaram as obras. "Nós rezávamos para não chover. A UTI 1 frequentemente era parcialmente interditada. Sofríamos com os alagamentos causados pelas chuvas e com o excesso de calor por quebra dos equipamentos de refrigeração, além de outros problemas. Não havia condições de readequação da antiga estrutura", explicou a superintendente do HU, Elizabeth Ursi. "Foi trocada toda a estrutura de sustentação e telhado, além das portas, janelas, redes de água e esgoto e equipamentos de refrigeração."

Com a reforma, o número de leitos na UTI 1 saltou de sete para dez, todos com isolamento, e a UTI 2 permaneceu com dez vagas, sendo seis abertas e quatro de isolamento. "Essa é a materialização de um sonho. As UTIs Adulto do HU têm 31 anos de existência e nesse período já atendeu 29.222 pacientes, número maior do que o de muitos municípios paranaenses", destacou a superintendente. "A reforma resolveu o problema, na nossa expectativa, por duas décadas."

Presente à solenidade de inauguração das novas UTIs, o secretário estadual de Saúde, Michele Caputo Neto, ressaltou que além das unidades de terapia intensiva, o HU se prepara para entregar o novo prédio da Maternidade, que está sendo construído ao lado do Hemocentro e que deverá oferecer atendimento integral à gestante. "A nova maternidade deve estar em torno de 50% pronta em um investimento de R$ 13 milhões e a previsão de inauguração é para outubro do ano que vem", adiantou o secretário.

Nesta quarta-feira, Caputo também anunciou um investimento de R$ 10 milhões na implantação do Pronto Socorro Cardíaco. Os recursos, segundo o secretário, entrariam apenas no orçamento de 2108, mas a Sesa já autorizou a liberação de R$ 1 milhão para este ano e os R$ 9 milhões restantes serão colocados como prioridade para o orçamento de 2018.

FUNCIONÁRIOS
Em abril de 2016, o HU anunciou a suspensão do atendimento na Ala de Queimados em razão da falta de funcionários para manter as atividades e a dificuldade de liberar contratações junto ao governo do Estado. Questionado sobre o quadro de funcionários do hospital, Caputo Neto disse que as contratações são feitas pela Seti (Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior) e que todas solicitações da Seti estão dentro do orçamento da Sesa. "Dizer que falta funcionário? Falta para que, para qual atividade? Eu tenho certeza absoluta que a Beth (Elizabeth Ursi) não colocaria recursos aqui se não conseguisse colocar as unidades para funcionar", disse o secretário. "O governo do Paraná está fazendo contratações. Essa coisa de que não contrata não é verdade, mas é uma briga que a Seti tem que fazer e nós, da Saúde, estamos à disposição."
Simoni Saris
Reportagem Local
PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO

HORÁRIO DE VERÃO

Confira a hora certa e acerte seus relógios

O milagre da Aparecida

Nossa esperança mora naquela pequena imagem encontrada há 300 anos

Atendimento descentralizado

Prefeitura inaugura ponto de atendimento da Secretaria de Obras na zona norte de Londrina

EM LONDRINA

Milhares de fieis celebram a Festa da Padroeira

Santuário Nossa Senhora Aparecida, na Vila Nova, começou a receber os devotos ainda de madrugada; as celebrações estenderam-se até a noite

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados