VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Cadernos Especiais
24/06/2008

Reinaugurada, Praça do Japão ganha biblioteca

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois
Letícia Moreira
Praça do Japão não poderia ficar de fora das comemorações dos 100 anos da imigração

  Com as comemorações dos 100 anos da imigração japonesa do Brasil, um local não poderia ficar de fora da festa. A tradicional Praça do Japão, no bairro Batel, voltou ontem a fazer parte dos cartões postais de Curitiba. Depois de um período de as obras de revitalização do espaço, a área de 9 mil metros quadrados foi reinagurada, fazendo parte das comemorações do Centenário da imigração japonesa ao Brasil.
PUBLICIDADE

  A reforma trouxe novos ares ao pagode tipicamente japonês que fica no centro da praça. A construção ganhou uma biblioteca temática, com publicações em português e em japonês. O pagode ganhou também um piso antiderrapante e, em torno do espaço cultural, houve a remodelação dos cinco lagos e cascatas que adornam a praça. A nova paisagem destaca a mistura entre pinheiro típico do Paraná e a flor de cerejeira, símbolo do Japão.
  Na entrega das obras de revitalização da praça, a Prefeitura de Curitiba mostrou a placa de lançamento da pedra inaugural do Parque do Centenário da Imigração Japonesa, que será construído ao longo da avenida Comendador Franco (avenida das Torres), entre Curitiba e o município de São José dos Pinhais.
  O novo parque da capital, que vai marcar as comemorações do Centenário da Imigração Japonesa ao Brasil, terá 500 mil metros quadrados de área. Ao todo, serão investidos R$ 3,6 milhões na construção do parque. Os recursos para a obra virão da Caixa Econômica Federal, somados R$ 629 mil investidos pelo município.
Equipe da Folha
PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO

‘MELHOR IDADE’ - É dia de baile

Seja segunda, terça, quarta, quinta, sexta, sábado ou domingo é dia de baile para a terceira idade em Curitiba

LIGEIRAS

José Carlos Pimenta, sala dois

CENA

PARECE, MAS NÃO É

Interagindo

O Exército deve ser acionado para combater o tráfico de drogas?

Curitiba tem forró e festa de São João

Casa de ritmos nordestinos chama atenção dos moradores da região metropolitana e atrai até estrangeiros

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine a Folha de Londrina
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados