VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Terça-feira, 25 de Abril de 2017
Cadernos Especiais
24/06/2007

‘Mano, vem aqui que eu preciso falar com você’

QR Code
Enviar por Email
Compartilhar
Twettar
Linkedin
Fonte
Comunicar erro
Ler depois
‘‘Macacos me mordam’’ se as lambretas, na década de 60, não eram a ‘‘coqueluche’’ da ‘‘patota’’!

No topo do ranking das preferências dos adolescentes hoje estão ‘‘mano’’ e ‘‘meu’’. Os dois jargões servem desde para denominar um amigo legal (‘‘Esse aí é um dos manos!’’), até para fazer a ligação entre as frases (‘‘Meu, o que é isso?’’).
  Pelo menos foi assim que Rebeca da Silva definiu a gíria preferida pela turma da 7ªsérie de um colégio paulistano. ‘‘Mano, você não sabe o que eu fiz ontem’’, disse a estudante para citar uma das funções do jargão. ‘‘Ou então: Mano, vem aqui que eu preciso falar com você’’, completou Rebeca.
  Os alunos concordaram que, enquanto os pais não gostam muito das gírias, eles adoram usá-las. ‘‘De repente, alguém aparece com alguma expressão nova, fica repetindo e, quando você percebe, já está falando também’’, disse Bruno Saura, 14 anos, para tentar explicar como ‘‘na fita’’, ‘‘truta’’ e ‘‘firmeza’’, apareceram em seu vocabulário. Desvende outros ‘‘signos’’ com a ajuda do pequeno dicionário ao lado.
Continue lendo
7
Continue Lendo
Assine a Folha de Londrina
EDITORIAS
PolíticaGeralMundoCidadesEconomiaEsporteFolha 2OpiniãoFolha MaisEleições 2016Índice de Notícias
SEÇÕES
ChargeColunistasIndicadoresTempoHoróscopoEdição DigitalGaleria de FotosClassificadosCadernos EspeciaisPromoçõesLoterias
SEMANAIS
Folha GenteCarro & CiaImobiliária & CiaSaúdeEmpregos & ConcursosFolha CidadaniaNorte PioneiroMercado DigitalFolha RuralReportagemCozinha & Sabor
CLASSIFICADOS
VrumLugar CertoFolha ClassificadosDiversos
SERVIÇOS
ComercialArquivoCapa do ImpressoExpedienteClube do AssinanteFale ConoscoAviso LegalPolítica de PrivacidadeTrabalhe ConoscoQuem SomosGuia GastronômicoAssine Já!
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados