VOLTAR PARA HOME
Continue tendo acesso ao conteúdo da Folha
   ou   
Cadastre-se pelo Facebook
para ter acesso ao melhor conteúdo do Paraná
VOLTAR PARA HOME
Olá
Assine já para continuar a ler a Folha de Londrina.
Para identificá-lo como assinante, precisamos do seu email e CPF.
VOLTAR PARA HOME
Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante Já sou assinante
Embarque
Jornalista formado em Londrina. Há cinco anos trabalha no Grupo Folha de Comunicação.
Fale com Marcos Roman
15/09/2017
Mercado

Paraná tem 283 municípios com vocação turística

Setor ganha importância como atividade econômica no Estado



A cada 10 municípios paranaenses, 7 têm potencial para desenvolver o Turismo. É o que aponta o novo Mapa do Turismo Brasileiro, divulgado nesta quarta-feira (13) pelo Ministério do Turismo. Das 399 cidades do Paraná, 283 (cerca de 70%) estão na versão 2017 do mapa. Destas, 201 já constavam do mapa anterior e 82 foram incluídos, em reconhecimento dos gestores públicos pela vocação turística destes municípios. Em 2016, eram 224. Já o número de regiões turísticas no estado se manteve: 14.


Em todo o país, foram listados 3.285 municípios em 328 regiões turísticas, um crescimento exponencial em relação ao Mapa de 2016, quando foram registradas 2.175 cidades em 291 regiões. O crescimento dos números é resultado de um amplo trabalho de conscientização do Ministério do Turismo junto aos gestores municipais e estaduais a respeito da necessidade de identificação e classificação das cidades para que as políticas públicas e investimentos sejam mais adequados à realidade de cada região.

"O mapa é um instrumento muito importante para gestão, estruturação e promoção dos destinos. Por isso, é importante que ele esteja sempre atualizado, garantindo com que os municípios que queiram trabalhar o turismo como uma atividade econômica, tenham prioridade dentro das políticas e ações do MTur", afirmou o ministro do turismo.


A atualização periódica do Mapa faz parte de uma estratégia do Plano Brasil + Turismo, lançada este ano pelo ministro Marx Beltrão para fortalecer o setor de viagens no país. De acordo com o Plano, a partir de 2017 o Mapa passa a ser atualizado a cada dois anos. Sua construção é feita em conjunto com os interlocutores estaduais que representam o MTUR e órgãos oficiais de Turismo dos estados brasileiros e instâncias de governança regional.

De acordo com o novo mapa, 44 municípios estão nas categorias A, B e C, que são aqueles que concentram o fluxo de turistas domésticos e internacionais. Como exemplo, temos destinos como Curitiba, Foz do Iguaçu, Londrina, Maringá, Morretes e Paranaguá. Os demais 239 municípios figuram nas categorias D e E. Esses destinos não possuem fluxo turístico nacional e internacional expressivo, no entanto alguns possuem papel importante no fluxo turístico regional e precisam de apoio para a geração e formalização de empregos e estabelecimentos de hospedagem.


*Fonte: Ministério do Turismo
Marcos Roman - Reportagem Local
01/09/2017
EM FAMÍLIA

Dicas para viagem com crianças

Pesquisa realizada com 12 mil pais em 25 países mostra como se preparar para manter filhos felizes e famílias tranquilas durante viagens

PUBLICAÇÕES ANTERIORES
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Folha de Londrina - Todos os direitos reservados